Morre Frankie Paul, mais um jamaicano ícone da era de ouro do dancehall mundial!

Morre em Kingston, Jamaica, o grandioso Frankie Paul, um dos ícones da história do reggae/dancehall. Frankie vinha sofrendo com problemas nos rins e era ultimamente submetido a 2 dias de diálise por semana, de acordo com sua irmã Trisk Clarke. No ano passado, teve um de seus pés amputados devido a uma severa infecção.

Infelizmente o cantor não resistiu ao avanço da doença e faleceu hoje às 10 da manhã no University Hospital de West Indies (UHWI). Paul tinha apenas 52 anos.



(O veterano Frankie Paul)
Amigos, incluindo o cantor e produtor Wayne Lonesome, estavam ajudando Frankie a pagar a altíssima conta do hospital em que estava internado desde abril, quantia que chegou a exorbitantes 1.5 milhões de dólares.

Paul foi a maior estrela do dancehall nas décadas de 80 e 90, imortalizando hits como “Worries In the Dance”, “Pass the Ku Shung Peng”, “Tidal Wave”, “Cassanova” e “Sarah”.



(Ouça Cassandra)
Paul Blake, seu nome verdadeiro, nasceu cego e dedicou todo o início de sua vida na Escola do Exército da Salvação para Cegos. Enquanto lá esteve, conheceu o renomado cantor Stevie Wonder, que foi a Kingston para se apresentar no National Stadium em 1970.

Wonder, também cego, inspirou Frankie a se tornar um cantor profissional, e – assim como o ídolo – também um multi instrumentista. Descanse em paz.

You may also like...

Comentários no Facebook